Fumantes podem receber terapia e tratamento gratuitos

SAÚDE - 20A Secretaria Municipal de Saúde através da Atenção Básica de Lajedo começou nesta segunda-feira (16) a Campanha contra o Tabagismo, sendo chamada a primeira reunião de “Acolhimento” ocorrida no CAPS. A campanha não tem estimativa de duração, pois depende do estágio de avanço de cada paciente, mas ainda esta semana os usuários que quiserem participar podem procurar um posto de saúde, a farmácia do município ou a própria secretaria.

Para começar a campanha, os profissionais escolheram o CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) por já ser um centro que trata de dependências químicas e vícios, permitindo uma triagem por parte do enfermeiro, psicóloga ou farmacêutica. O tratamento será feito no estilo dos alcoólicos anônimos, através de encontros e terapias.

No 1º mês, serão 4 encontros, onde em cada um, o Ministério da Saúde, coordenador principal, disponibiliza uma cartilha com o tema a ser trabalhado. A exemplo deste primeiro encontro, intitulado “Acolhimento” de forma a conhecer, explicar aos usuários para que deem continuidade e cheguem a livrar-se do vício.

Dependendo do grau de abstinência, o paciente a partir da 2ª semana receberá durante as reuniões, dicas de terapias de combate para fazer em casa, uma vez que há estudos que apontam que a durabilidade da abstinência é de apenas 5 minutos.

De acordo com a evolução do paciente, depois será feita uma avaliação médica. A partir de então serão administrados 3 tipos de medicações e dosagens. Porém, o Ministério da Saúde não manda a quantidade ideal, pois é recomendado, no geral, que sejam formados grupos de 10 pessoas para que seja criado entrosamento juntamente com médico, enfermeiro, psicólogo, nutricionista, farmacêutico e psiquiatra.

Após esse primeiro momento e formados os grupos, todas as segundas-feiras no CAPS terão as reuniões na parte da tarde.

Clique aqui e veja mais fotos.

Prefeitura de Lajedo,
Mudando para Melhor

Gostou? Então compartilhe com seus amigos:

Add a Comment