Lajedo será destaque no Anuário da CELPE sobre Eficiência Energética pelo 4º ano consecutivo

Nossa cidade já conquistou pelo quarta vez o destaque de município pernambucano que trabalha a Eficiência Energética na Educação. É o anuário da Celpe “Educação com Energia”, um livro publicado pela Companhia Energética de Pernambuco com os melhores trabalhos das escolas que trabalharam em sala de aula como a sustentabilidade e o respeito ao Meio Ambiente pode ser feito com Eficiência Energética.

A Secretaria de Educação apoia a iniciativa das escolas que por meio da Escola Ambiental são incentivadas a participar de capacitações com os professores e projetos educacionais durante o ano inteiro com os docentes. A fotógrafa oficial da CELPE visitou Lajedo nesta quinta-feira, dia 17 de outubro para fotografar o Colégio Normal e a Escola Jornalista Manoel Amaral. Na sexta é a vez da Escola Municipal Mamede Bento do Amaral, no Povoado Quatis que também teve um trabalho reconhecido e premiado.

O Anuário da Celpe reúne cerca de 500 municípios que desenvolveram atividades educativas sobre o EqT – Energia Que Transforma, um projeto da Companhia sobre como utilizar a energia de maneira consciente. Geralmente pouco mais de 100 municípios são selecionados e têm seus trabalhos contados no livro que traz fotografias e histórias com os professores envolvidos e alunos da Educação Fundamental e esse ano do Ensino Médio também, graças à parceria com o Centro Educacional Ambiental de Lajedo.

A secretária Neide Félix parabeniza os professores destaques deste ano: Rodrigo Sobral da disciplina de Geografia, Marta Simone de Matemática, Gilmércia Machado de Língua Portuguesa e Greice Kelly, além dos colaboradores Sérgio Ricardo, Armando Augusto e Ewerton de Azevêdo tradutor de Libras.

Segundo a gestora da Escola Ambiental, Andréa Félix, a parceria com a Celpe só vem dando bons resultados. Além de mobilizar alunos dentro das instituições com trabalhos que misturam Ciência, Tecnologia e Sustentabilidade, as atitudes conscientes e úteis também mobilizam a comunidade. A Escola Ambiental e a Educação de Lajedo são multiplicadoras primordiais nisso. Além disso, esse é o segundo ano que a inclusão é colocada em xeque, com a participação dos alunos surdos do Colégio Normal. Esses alunos participaram ativamente dos projetos através dos intérpretes e esse ano também serão destaque no livro.

A expectativa é de que o livro Anuário da Celpe seja publicado em dezembro, como de costume, com a participação dos professores homenageados.

Clique aqui para ver mais fotos!

Prefeitura de Lajedo,
Governando com o Povo!

Gostou? Então compartilhe com seus amigos:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *