ASSISTÊNCIA SOCIAL E SEUS SERVIÇOS PARALISAM NESTA QUARTA-FEIRA (15) EM DEFESA DO SUAS

13412861_850798988398007_2217042235223002283_n

O COEGEMAS (Colegiado Estadual dos Gestores Municipais da Assistência Social) mobilizou a nível regional e local os serviços das Secretarias de Assistência Social em prol da defesa do Sistema Único da Assistência Social. As manifestações aconteceram nesta quarta-feira (15) com 21 municípios em Garanhuns na Praça Mestre Dominguinhos. A secretária Marconeide Félix esteve presente no manifesto junto com os funcionários.

A proposta do manifesto é lutar em defesa do SUAS, da manutenção política como estava até a passagem do governo Dilma para o governo Temer. Com a mudança e a extinção do Ministério do Desenvolvimento Social que passou a ser integrado ao Ministério Agrário, alguns itens saem prejudicados, segundo a classe de assistentes sociais e afins.

“Além de mudar os ministérios, querem retirar o Bolsa Família da Secretaria de Assistência e empoderar o INSS para que este execute o BF”, explicou Adriana, assessora da Secretaria Municipal de Assistência Social de Lajedo. Além disso, o novo governo não quer corrigir o BPC (Benefício de Prestação Continuada) de acordo com o salário mínimo.

Os 21 municípios do Agreste estão lutando em defesa dos trabalhadores, usuários e do Sistema Único da Assistência Social, de maneira que permaneça como sempre foi até hoje, sem nenhum direito a menos. “Mudar o SUAS hoje é um retrocesso”, salientam em coro uniforme as participantes lajedenses.

VEJA MAIS FOTOS AQUI.

Deixe seu comentário