Em tempos de crise, Assistência promove educação profissional e tecnológica

A Prefeitura de Lajedo e a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos está criando oportunidades de gerar emprego e renda para os lajedenses em meio à crise no país. Hoje, 06 de novembro, no Centro de Treinamento foi feita a aula inaugural do curso gratuito de Eletricista Predial de Baixa Tensão realizado pela Escola Técnica do SENAI Garanhuns. As inscrições foram feitas pelo Centro de Referência da Assistência Social (CRAS).

O curso de eletricista predial é pré-requisito para ingressar na Celpe, por exemplo, e outras empresas de médio e grande porte. Custando R$ 1.650 para cada aluno caso fosse feito particular, o prefeito Rossine tem aberto mais essa oportunidade para o aperfeiçoamento dos lajedenses que querem trabalhar de acordo com as habilidades. Sem ônus para os 40 alunos, o curso de 160 horas agrega valor ao currículo dos cidadãos possibilitando trabalhar com carteira assinada ou de forma autônoma.

Na abertura, como disse a psicóloga do CRAS, Rafaela Figueredo “a secretária Marconeide Félix e o prefeito têm se empenhado em promover a educação profissional e tecnológica”, elevando a competitividade do município. Nesse primeiro momento, a analista de educação profissional do SENAI, Ana Cláudia falou sobre a frequência, os equipamentos de segurança e a grade do curso que vai desde Qualidade, Saúde, Meio Ambiente e Segurança até instalações elétricas.

Clique aqui para ver mais fotos!

Prefeitura de Lajedo,
Governando com o Povo!

Gostou? Então compartilhe com seus amigos:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *