Educação Ambiental de Lajedo ganha prêmio da Agência Estadual de Meio Ambiente

Muita emoção e alegria marcaram a homenagem que a Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) fez aos voluntários que, ao longo do ano, por iniciativa própria, ajudaram à luta pelo meio ambiente e pela preservação das espécies, em diversas histórias positivas de resgate a animais.

Em conversas e ao assistirem a uma apresentação de suas histórias, com imagens na tela, as lembranças foram reforçadas na mente e a emoção bateu forte. Todos receberam da Agência o certificado de “Amigo do Meio Ambiente”, durante a solenidade de entrega do Prêmio Vasconcelos Sobrinho 2017, no auditório do Sinduscon, na Ilha do Leite em Recife.

Entre as histórias estão a do policial que salvou quatro filhotes de raposas que ficaram órfãos; a de um biólogo que vive no dia a dia a missão do resgate; a da equipe que salvou uma preguiça de uma linha de alta tensão de 500 mil volts; a das irmãs que salvaram duas iguanas de maus tratos em Pau Amarelo, e a do pedreiro que andou oito quilômetros carregando uma capivara num carrinho de mão, para salvá-la. Todos foram muito aplaudidos ao terem os nomes citados. “São histórias positivas e que mostram que a sociedade está ativa, participativa, o que é muito bom”, destacou o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Sérgio Xavier.

Junto com o secretário de Meio Ambiente, Sérgio Xavier, e os diretores da Agência, Elvino parabenizou os vencedores do prêmio – que lembra o importante legado do ambientalista pernambucano João Vasconcelos Sobrinho (1908-1989). “Vasconcelos Sobrinho já falava de sustentabilidade quando ninguém sabia o que era isso. Ele sabia que o meio ambiente tem a ver com tudo, inclusive com a economia”, destacou Sérgio Xavier.

A Coordenadora Pedagógica da ESCOLA AMBIENTAL DE LAJEDO, a bióloga e professora Paixão recebeu das mãos do secretário estadual do meio ambiente a honraria, pois está do lado de grandes empresas como a Moura, Ultramega, bem como, de Instituições de Ensino Superior e jornais de grande circulação. Ser reconhecido por um trabalho de vanguarda no agreste pernambucano é gratificante e aponta que o município de Lajedo está no caminho certo.

OS PREMIADOS NO VASCONCELOS SOBRINHO 2017 POR CATEGORIA 

Destaque Municipal 
– Escola Ambiental de Lajedo: uma nova perspectiva no ensino de educação ambiental

Projetos e Práticas do Ensino Superior
-Projeto Fragmentação Florestal no Sertão do Araripe de Pernambuco – Desenvolvido na Faciagra – Faculdade de Ciências Agrárias de Araripina;

Projetos e Práticas do Ensino Fundamental I, II e Médio
– Projeto Transformando Resíduos Orgânicos em um super adubo líquido formando npk na escola – EREM Coronel João Francisco, em São Vicente Ferrer

Destaque Empresarial
– Projeto Responsabilidade na APA Aldeia-Beberibe – Empresa Ultramega Hospitalar;

Imprensa
– Reportagem “Da morte ao descaso”, de Tatiana Notaro, – Folha de Pernambuco;

Iniciativa Comunitária 
– Projeto Recuperação do Rio Camutanga gerando melhor convivência do homem no campo: vida, água e meio ambiente – desenvolvido pela Associação Plantas do Nordeste

Personalidade do Meio Ambiente
– Serliete de Carvalho Mendes Schneider (inscrição feita por Maria Francisca de Souza Alves), pelo trabalho dedicado ao bioma caatinga;

Responsabilidade Ambiental
– Projeto Reuso de Efluentes – Baterias Moura.

Texto e fotos: Andréa Félix, gestora da Escola Ambiental de Lajedo.

Clique aqui para ver mais fotos!

Prefeitura de Lajedo,
Governando com o Povo!

Gostou? Então compartilhe com seus amigos:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *