Alunos de Lajedo se classificam para fase final da Copa Brasil de Xadrez Escolar

Foi realizada neste domingo, 1º de outubro, uma etapa da Copa Brasil de Xadrez Escolar, promovida pela Confederação Brasileira de Xadrez Escolar. O evento foi organizado pelo Lajedo Xadrez Clube em parceria com a Prefeitura Municipal de Lajedo, cujo apoio das Secretarias de Educação e Diretoria de Esportes foi fundamental para a classificação dos alunos do município. O torneio aconteceu no pátio da Escola Municipal Zélia Moura de Melo Ferreira.

Participaram estudantes dos municípios de Lajedo, Garanhuns, Belo Jardim e de Recife concorrendo nas categorias sub-08 até sub-18, tanto no masculino como no feminino. Os estudantes concorreram ao título da etapa e às vagas classificatórias da final da Copa que será na capital pernambucana, no dia 17 de dezembro com a participação de estudantes de todas as partes do Brasil.

Os resultados deste domingo foram muito satisfatórios para o município lajedense, pois na categoria feminina, a campeã geral e também foi a lajedense Gabrielle Vitória dos Santos Silva, de apenas 11 anos de idade, da Escola Zélia Moura. O campeão geral masculino do evento foi o estudante Mario Fernando de Souza Segundo, de 15 anos, da Escola Técnica Estadual Cícero Dias, de Recife-PE.

A Escola Zélia Moura de Melo obteve destaque, sendo a campeã dentre todas as instituições de ensino participantes, pois obteve o maior número de classificados para a final (seis). A escola ainda esteve representada por outros estudantes que se destacaram na competição: José Matheus Nogueira Luciano, de 12 anos de idade ficou com o segundo lugar e Rafael de Morais Cândido de 15 anos, com o quarto lugar, na classificação geral.

O Lajedo Xadrez Clube em parceria com a Secretaria Municipal de Educação ministra aulas de xadrez aos estudantes da Escola Zélia Moura. Segundo os instrutores de xadrez, os resultados obtidos na Copa Brasil demonstram que a parceria tem dado frutos. Os enxadristas apostam no xadrez para que os estudantes que participam do projeto melhorem a concentração, capacidade de cálculo, lógica, paciência, persistência e tomada de decisão. “Participando das atividades, os alunos percebem que são capazes de realizar tais aplicações cognitivas também na vida escolar”, contou Luiz Júnior, um dos organizadores.

Conhecido como um esporte da mente, o xadrez tem sido utilizado em muitos países como recurso didático, principalmente em disciplinas como Matemática. Em alguns casos, faz parte da grade curricular de ensino.

Resultados satisfatórios na relação entre a prática do xadrez na educação que contribuíram para a melhorias nos índices educacionais podem ser vistos na matéria da TV Escola. Confira no link a seguir, o caso exitoso de uma escola em Brasília que ganhou prêmios nacionais de educação e outra no estado Espírito Santo, que também obteve resultados bastante expressivos:

https://www.youtube.com/watch?v=PsDoTJBY1kQ  (Experiência de Brasília)

Clique aqui para ver mais fotos!

Prefeitura de Lajedo,
Governando com o Povo!

Gostou? Então compartilhe com seus amigos:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *